Tudo pronto para o XII Concondsef que irá defender unidade e manutenção de direitos

Esse ano o Congresso deverá receber cerca de 1500 delegados sindicais já eleitos

Escrito por: Ascom Sindsep-PE • Publicado em: 22/11/2016 - 12:23 Escrito por: Ascom Sindsep-PE Publicado em: 22/11/2016 - 12:23

O tema do XII Concondsef resume bem a preocupação da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Federal nos dias atuais. Com o mote: “Preservar a unidade e a democracia. Nenhum direito a menos”, o Congresso pretende debater a importância da união dos trabalhadores das mais diversas categorias contra a retirada de direitos que vem sendo promovida pelo Governo Federal e Congresso Nacional. 

E já está tudo pronto para a maior instância deliberativa dos servidores federais, que acontece em Cuiabá (MT), entre os dias 3 e 8 de dezembro. Esse ano o Congresso deverá receber cerca de 1500 delegados sindicais já eleitos por assembleias em todo o Brasil. A delegação do Sindsep-PE conta com 120 pessoas. As categorias da base da Confederação também promoverão encontros setoriais no congresso.

O XII Concondsef acontece em um momento de conjuntura extremamente adversa para os trabalhadores e será fundamental para traçar estratégias e debater ações que vão nortear a luta dos servidores em defesa de seus direitos e de serviços públicos de qualidade para o Brasil. Em tempos de políticas de estado mínimo, ajuste fiscal e forte arrocho, a defesa dos direitos precisa ser permanente. 

O Poder Executivo, o Congresso e a Justiça brasileira estão unidos na aprovação de projetos que serão prejudiciais ao patrimônio nacional, ao servidor público e a sociedade brasileira como um todo. A PEC-55, que congela os gastos públicos por 20 anos, é apenas um desses projetos. São mais de 40 matérias que prejudicam a classe trabalhadora e precarizam as relações de trabalho. Entre elas, a que amplia a terceirização para todas os setores, a reforma da previdência e a que incentiva as privatizações. 

Vacina

Os servidores da base do Sindsep-PE que foram eleitos para participarem do Congresso da Condsef devem tomar a vacina contra a febre amarela. A imunização deve ser feita, no máximo, dez dias antes da viagem, já que a cidade de Cuiabá, onde ocorrerá o evento, é uma região de Pantanal. 

A vacina é distribuída de forma gratuita no Aeroporto Internacional dos Guararapes; na Policlínica Lessa de Andrade (Recife); no Centro de Saúde Manoel Gomes (Cabo de Santo Agostinho); e na Coordenação de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde (Jaboatão). A dose é válida por dez anos. 

Outra recomendação importante é a de levar roupas leves para serem usadas durante o dia e um casaco para a noite, uma vez que a temperatura varia bastante. 

A hidratação também deve ser outra preocupação. É preciso beber bastante água e comer comidas leves para evitar problemas como os de picos hipertensivos. 

 

Título: Tudo pronto para o XII Concondsef que irá defender unidade e manutenção de direitos, Conteúdo: O tema do XII Concondsef resume bem a preocupação da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Federal nos dias atuais. Com o mote: “Preservar a unidade e a democracia. Nenhum direito a menos”, o Congresso pretende debater a importância da união dos trabalhadores das mais diversas categorias contra a retirada de direitos que vem sendo promovida pelo Governo Federal e Congresso Nacional.  E já está tudo pronto para a maior instância deliberativa dos servidores federais, que acontece em Cuiabá (MT), entre os dias 3 e 8 de dezembro. Esse ano o Congresso deverá receber cerca de 1500 delegados sindicais já eleitos por assembleias em todo o Brasil. A delegação do Sindsep-PE conta com 120 pessoas. As categorias da base da Confederação também promoverão encontros setoriais no congresso. O XII Concondsef acontece em um momento de conjuntura extremamente adversa para os trabalhadores e será fundamental para traçar estratégias e debater ações que vão nortear a luta dos servidores em defesa de seus direitos e de serviços públicos de qualidade para o Brasil. Em tempos de políticas de estado mínimo, ajuste fiscal e forte arrocho, a defesa dos direitos precisa ser permanente.  O Poder Executivo, o Congresso e a Justiça brasileira estão unidos na aprovação de projetos que serão prejudiciais ao patrimônio nacional, ao servidor público e a sociedade brasileira como um todo. A PEC-55, que congela os gastos públicos por 20 anos, é apenas um desses projetos. São mais de 40 matérias que prejudicam a classe trabalhadora e precarizam as relações de trabalho. Entre elas, a que amplia a terceirização para todas os setores, a reforma da previdência e a que incentiva as privatizações.  Vacina Os servidores da base do Sindsep-PE que foram eleitos para participarem do Congresso da Condsef devem tomar a vacina contra a febre amarela. A imunização deve ser feita, no máximo, dez dias antes da viagem, já que a cidade de Cuiabá, onde ocorrerá o evento, é uma região de Pantanal.  A vacina é distribuída de forma gratuita no Aeroporto Internacional dos Guararapes; na Policlínica Lessa de Andrade (Recife); no Centro de Saúde Manoel Gomes (Cabo de Santo Agostinho); e na Coordenação de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde (Jaboatão). A dose é válida por dez anos.  Outra recomendação importante é a de levar roupas leves para serem usadas durante o dia e um casaco para a noite, uma vez que a temperatura varia bastante.  A hidratação também deve ser outra preocupação. É preciso beber bastante água e comer comidas leves para evitar problemas como os de picos hipertensivos.   



Informativo CUT PE

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.