Temer indica primo de Gilmar Mendes para direção de agência reguladora

Ministro, que deve julgar presidente no TSE, se encontrou com ele no Palácio do Jaburu

Escrito por: Redação RBA • Publicado em: 14/03/2017 - 14:54 • Última modificação: 14/03/2017 - 14:59 Escrito por: Redação RBA Publicado em: 14/03/2017 - 14:54 Última modificação: 14/03/2017 - 14:59

O presidente Michel Temer (PMDB-SP) nomeou Francisval Dias Mendes, primo de Gilmar Mendes, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e atual presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), para a direção da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq). A decisão foi publicada na edição desta terça-feira (14) do Diário Oficial da União. Para confirmar a nomeação, Francisval deverá ser sabatinado pelo Senado.

Atualmente, o primo de Gilmar ocupa o cargo de diretor-ouvidor da Agência de Regulação dos Serviços Públicos Delegados de Mato Grosso (Ager-MT), indicado pelo então governador Blairo Maggi, ministro da Agricultura de Temer e amigo de Gilmar.

Como presidente do TSE, Gilmar deverá participar do julgamento do processo que pede a cassação da chapa Dilma-Temer, que pode interromper o mandato do atual presidente. No último domingo (12), Temer e Gilmar se reuniram no Palácio do Jaburu. O encontro, que não foi divulgado em suas respectivas agendas oficiais, foi para tratar da reforma política, segundo eles. 

Ainda na semana passada, em entrevista à agência Reuters, Mendes afirmou que, mesmo com a cassação da chapa, Temer manteria os direitos políticos e estaria habilitado a se candidatar em eventual eleição indireta e, assim, se vitorioso, seguiria na cadeira da presidência. Segundo o ministro, a punição por abuso de poder, no processo em curso no TSE, recairia apenas sobre a cabeça da chapa (a ex-presidenta Dilma Rousseff), ainda que o vice tenha participado. 

Título: Temer indica primo de Gilmar Mendes para direção de agência reguladora, Conteúdo: O presidente Michel Temer (PMDB-SP) nomeou Francisval Dias Mendes, primo de Gilmar Mendes, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e atual presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), para a direção da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq). A decisão foi publicada na edição desta terça-feira (14) do Diário Oficial da União. Para confirmar a nomeação, Francisval deverá ser sabatinado pelo Senado. Atualmente, o primo de Gilmar ocupa o cargo de diretor-ouvidor da Agência de Regulação dos Serviços Públicos Delegados de Mato Grosso (Ager-MT), indicado pelo então governador Blairo Maggi, ministro da Agricultura de Temer e amigo de Gilmar. Como presidente do TSE, Gilmar deverá participar do julgamento do processo que pede a cassação da chapa Dilma-Temer, que pode interromper o mandato do atual presidente. No último domingo (12), Temer e Gilmar se reuniram no Palácio do Jaburu. O encontro, que não foi divulgado em suas respectivas agendas oficiais, foi para tratar da reforma política, segundo eles.  Ainda na semana passada, em entrevista à agência Reuters, Mendes afirmou que, mesmo com a cassação da chapa, Temer manteria os direitos políticos e estaria habilitado a se candidatar em eventual eleição indireta e, assim, se vitorioso, seguiria na cadeira da presidência. Segundo o ministro, a punição por abuso de poder, no processo em curso no TSE, recairia apenas sobre a cabeça da chapa (a ex-presidenta Dilma Rousseff), ainda que o vice tenha participado. 



Informativo CUT PE

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.