Previdenciários participam de Greve Geral do dia 30 de junho

As mobilizações estão surtindo efeitos e unidos na luta podemos derrotar Temer

Escrito por: Wedja Gouveia da Redação. do Sindsprev/PE. • Publicado em: 26/06/2017 - 13:55 • Última modificação: 26/06/2017 - 13:58 Escrito por: Wedja Gouveia da Redação. do Sindsprev/PE. Publicado em: 26/06/2017 - 13:55 Última modificação: 26/06/2017 - 13:58

A melhor notícia da semana passada foi a derrota por 10 a 9 da proposta da Reforma Trabalhista (PLC 38/2017) na Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado Federal. Diante disso, o presidente nacional da CUT, Vagner Freitas, disse em encontro com parlamentares da oposição e lideranças do movimento sindical que o resultado é fruto da mobilização da classe trabalhadora.

“A luta dá resultado, sempre deu. Fizemos a maior Greve Geral da história (em 28 de abril). Nosso trabalho está certo porque estamos indo aos municípios dizer que quem votar a favor das reformas não vai se eleger. O povo não vai votar em que acabou com o trabalho dele, com a carteira assinada dele, com as férias e com a aposentadoria”, afirmou o cutista.

O Sindsprev-PE chama toda a categoria para participar da greve do dia 30 de junho, que pode ser tão forte quanto a do dia 28 de abril. Constatamos que as mobilizações estão surtindo efeitos positivos e que unidos na lutar podemos derrotar as reformas do governo Temer e exigir seu afastamento da Presidência, com convocação de Eleições Diretas Já.

Título: Previdenciários participam de Greve Geral do dia 30 de junho, Conteúdo: A melhor notícia da semana passada foi a derrota por 10 a 9 da proposta da Reforma Trabalhista (PLC 38/2017) na Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado Federal. Diante disso, o presidente nacional da CUT, Vagner Freitas, disse em encontro com parlamentares da oposição e lideranças do movimento sindical que o resultado é fruto da mobilização da classe trabalhadora. “A luta dá resultado, sempre deu. Fizemos a maior Greve Geral da história (em 28 de abril). Nosso trabalho está certo porque estamos indo aos municípios dizer que quem votar a favor das reformas não vai se eleger. O povo não vai votar em que acabou com o trabalho dele, com a carteira assinada dele, com as férias e com a aposentadoria”, afirmou o cutista. O Sindsprev-PE chama toda a categoria para participar da greve do dia 30 de junho, que pode ser tão forte quanto a do dia 28 de abril. Constatamos que as mobilizações estão surtindo efeitos positivos e que unidos na lutar podemos derrotar as reformas do governo Temer e exigir seu afastamento da Presidência, com convocação de Eleições Diretas Já.



Informativo CUT PE

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.