Campanha Salarial dos servidores federais deve ser lançada ainda este mês

A Reforma da Previdência (PEC 287) foi apontada pelos participantes como o maior problema

Escrito por: Ascom Sindsep-PE • Publicado em: 16/02/2017 - 17:04 • Última modificação: 16/02/2017 - 17:08 Escrito por: Ascom Sindsep-PE Publicado em: 16/02/2017 - 17:04 Última modificação: 16/02/2017 - 17:08

A Condsef/Fenadsef realizou, na última sexta-feira, dia 10, mais uma reunião do seu Conselho Deliberativo de Entidades (CDE). Representantes de 14 estados e do Distrito Federal participaram da atividade, cuja pauta foi avaliar a conjuntura e discutir e deliberar acerca da campanha salarial dos servidores federais para este ano. A Reforma da Previdência (PEC 287) foi apontada pelos participantes como o maior problema, já que vai atingir em cheio toda a classe trabalhadora e, em especial, o funcionalismo público. A Reforma Trabalhista também foi elencada como um obstáculo para os trabalhadores, já que retira direitos conquistados ao longo da história.

Como proposta, foi aprovada a criação de comitês nos estados e municípios contra as duas reformas e discutido um calendário de mobilização (ver no quadro acima), no sentido  de pressionar o governo e o Congresso Nacional. Dentro da programação, está previsto o lançamento da campanha salarial 2017 dos servidores federais para o dia 22 de fevereiro. Na mesma data, haverá uma força tarefa no aeroporto de Brasília e nos gabinetes de deputados e senadores para debater as demandas do funcionalismo federal. Um dia antes, o Fórum Nacional dos Servidores Federais (Fonasef) se reúne para discutir outras estratégias de ação.

Após o carnaval, no dia 8 de março, haverá uma grande mobilização para lembrar a passagem do Dia da Mulher, tendo como foco uma crítica à Reforma da Previdência, que retira direitos desse setor da sociedade. Ainda em março, no dia 15, está previsto um dia nacional de mobilização, com a participação de trabalhadores de todas as categorias - do campo e da cidade, do setor público e privado -, em protesto contra o retrocesso pelo qual o país passa. A ideia é paralisar em alguns locais de trabalho e realizar atos públicos de rua.
 


 

Título: Campanha Salarial dos servidores federais deve ser lançada ainda este mês, Conteúdo: A Condsef/Fenadsef realizou, na última sexta-feira, dia 10, mais uma reunião do seu Conselho Deliberativo de Entidades (CDE). Representantes de 14 estados e do Distrito Federal participaram da atividade, cuja pauta foi avaliar a conjuntura e discutir e deliberar acerca da campanha salarial dos servidores federais para este ano. A Reforma da Previdência (PEC 287) foi apontada pelos participantes como o maior problema, já que vai atingir em cheio toda a classe trabalhadora e, em especial, o funcionalismo público. A Reforma Trabalhista também foi elencada como um obstáculo para os trabalhadores, já que retira direitos conquistados ao longo da história. Como proposta, foi aprovada a criação de comitês nos estados e municípios contra as duas reformas e discutido um calendário de mobilização (ver no quadro acima), no sentido  de pressionar o governo e o Congresso Nacional. Dentro da programação, está previsto o lançamento da campanha salarial 2017 dos servidores federais para o dia 22 de fevereiro. Na mesma data, haverá uma força tarefa no aeroporto de Brasília e nos gabinetes de deputados e senadores para debater as demandas do funcionalismo federal. Um dia antes, o Fórum Nacional dos Servidores Federais (Fonasef) se reúne para discutir outras estratégias de ação. Após o carnaval, no dia 8 de março, haverá uma grande mobilização para lembrar a passagem do Dia da Mulher, tendo como foco uma crítica à Reforma da Previdência, que retira direitos desse setor da sociedade. Ainda em março, no dia 15, está previsto um dia nacional de mobilização, com a participação de trabalhadores de todas as categorias - do campo e da cidade, do setor público e privado -, em protesto contra o retrocesso pelo qual o país passa. A ideia é paralisar em alguns locais de trabalho e realizar atos públicos de rua.    



Informativo CUT PE

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.