Ato político nesta segunda (11) no Paço Alfândega

Lideranças  sindicais, de entidades sociais e estudantis  vão cobrar dos parlamentares da Bancada Federal para que se posicionem contra a Reforma da Previdência e às privatizações.

Escrito por: Assessoria de Imprensa da CUT-PE • Publicado em: 10/12/2017 - 16:35 • Última modificação: 11/12/2017 - 11:32 Escrito por: Assessoria de Imprensa da CUT-PE Publicado em: 10/12/2017 - 16:35 Última modificação: 11/12/2017 - 11:32

Tempus Comunicação

A CUT e movimentos sociais realizam nesta segunda-feira, 11/11, ato político na pressão, às 16h, no Paço Alfândega, no Recife Antigo.Parlamentares de oposição ao Governo de Pernambuco estarão reunidos  para discutir suas estratégias. Lideranças  sindicais, de entidades sociais e estudantis  vão cobrar e pressionar esses parlamentares da Bancada Federal para que se posicionem contra a Reforma da Previdência e às privatizações.

A pressão dos trabalhadores e trabalhadoras impediu que a Reforma da Previdência fosse colocada em votação na Câmara dos Deputados na quarta-feira (6) como previsto inicialmente pelo governo e sua base golpista. O governo recuou porque não  conseguiu os 308 votos necessários para aprovar a nova proposta de desmonte da aposentadoria, que exclui milhões de brasileiros e brasileiras da Previdência Social, mas ameaça votar ainda este ano.

Como parte da permanente da mobilização da classe trabalhadora contra a Reforma da Previdência, a CUT Pernambuco orienta seus sindicatos a continuarem organizando plenárias com suas bases e entidades dos movimentos sociais, populares e estudantis,  além de construir com o setor de transportes a adesão destes trabalhadores e trabalhadoras à paralisação em defesa do direito de se aposentar.

Outra forma de pressão aos deputados  é o site Na Pressão, uma ferramenta da CUT lançada em junho deste ano e que permite contatar os parlamentares por e-mail, mensagens, telefone ou redes sociais.
 

Título: Ato político nesta segunda (11) no Paço Alfândega, Conteúdo: A CUT e movimentos sociais realizam nesta segunda-feira, 11/11, ato político na pressão, às 16h, no Paço Alfândega, no Recife Antigo.Parlamentares de oposição ao Governo de Pernambuco estarão reunidos  para discutir suas estratégias. Lideranças  sindicais, de entidades sociais e estudantis  vão cobrar e pressionar esses parlamentares da Bancada Federal para que se posicionem contra a Reforma da Previdência e às privatizações. A pressão dos trabalhadores e trabalhadoras impediu que a Reforma da Previdência fosse colocada em votação na Câmara dos Deputados na quarta-feira (6) como previsto inicialmente pelo governo e sua base golpista. O governo recuou porque não  conseguiu os 308 votos necessários para aprovar a nova proposta de desmonte da aposentadoria, que exclui milhões de brasileiros e brasileiras da Previdência Social, mas ameaça votar ainda este ano. Como parte da permanente da mobilização da classe trabalhadora contra a Reforma da Previdência, a CUT Pernambuco orienta seus sindicatos a continuarem organizando plenárias com suas bases e entidades dos movimentos sociais, populares e estudantis,  além de construir com o setor de transportes a adesão destes trabalhadores e trabalhadoras à paralisação em defesa do direito de se aposentar. Outra forma de pressão aos deputados  é o site Na Pressão, uma ferramenta da CUT lançada em junho deste ano e que permite contatar os parlamentares por e-mail, mensagens, telefone ou redes sociais.  



Informativo CUT PE

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.