Trabalhadores em educação aprovam medidas de valorização do Sassepe

26/06/2018 - 11:38

Os beneficiários do Sassepe somam 173.873 mil pessoas.

Os trabalhadores em educação aprovaram, na semana passada (21), no auditório do Centro Social da Soledade, Recife, um conjunto de medidas de valorização do Sistema de Assistência à Saúde dos Servidores do Estado de Pernambuco (Sassepe). A manutenção dos descontos nos contracheques dos beneficiários com dois vínculos foi um dos pontos aprovados durante Assembleia. De acordo com os dados do Instituto de Recursos Humanos (IRH), existem 5.658 beneficiários com desconto nos dois vínculos.

Para iniciar o debate, a Presidente da Assepe, Florentina Cabral (Morena) fez um resgate histórico do Sassepe, os princípios que regem o Sistema, seu perfil, necessidades e as pautas históricas dos servidores. Durante essa explanação, Morena destacou que um dos princípios mais importantes do Sistema é a sua autonomia em relação à Agência Nacional de Saúde (ANS). Essa autonomia possibilita que o Sassepe tenha uma legislação estadual específica e não fique à mercê da ANS, “que sempre está ligada aos interesses dos empresários e realiza aumentos anualmente nos planos de saúde acima da inflação”, acrescentou Morena.

Diante dessa informação, outros pontos foram adicionados ao debate. O seu caráter opcional; uma gestão feita por servidores (o que garante poder de decisão dos servidores no Sistema); a contribuição feita em percentual, possibilitando que todos tenham o mesmo comprometimento da renda com assistência à saúde; e a contribuição ao Sistema com toda a remuneração (13º e vínculos) foram princípios citados para que todos pudessem entender que o Sassepe não pode ser tratado ou visto como um Plano de Saúde, como muitos servidores fazem e cobram.

Os beneficiários do Sassepe somam 173.873 mil pessoas. “Desses, um pouco mais de 116 mil pessoas estão acima dos 50 anos. São as pessoas que mais necessitam de assistência à saúde, e os planos de saúde para essa faixa etária são altíssimos”, observou Uilson de Souza Macedo, diretor da Secretaria de Finanças do Sintepe.