O Outubro Rosa das mulheres trabalhadoras

O Outubro Rosa das mulheres trabalhadoras

Escrito por: Liana Mary Secret Publicado em: 13/10/2016 Publicado em: 13/10/2016

Companheiras chegou Outubro Rosa, mês em que toda a sociedade chama atenção das mulheres para prevenção e combate ao câncer de mama. Qual a necessidade de se fazer uma campanha tão específica? Todos os anos milhares de mulheres são atingidas por esse tipo de câncer, centenas chegam a óbito por uma doença que, se detectada a tempo, e iniciado o tratamento imediatamente, tem altíssimas chances de cura.

 

Os nódulos e caroços, secreção que saem dos mamilos, enrugamento e mancha na pele das mamas, assim como nódulos e caroços nas axilas são sintomas de alguma alteração nas mamas, que pode indicar ou não câncer, por isso é importante fazer o autoexame uma vez por mês e consultar pelo menos uma vez por ano um médico ou médica ginecologista para um exame clínico mais detalhado como a mamografia. 

 

Fundamental voltar com o resultado dessa mamografia para o profissional que solicitou esse exame. Sabemos que não é nada fácil para nós mulheres da classe trabalhadora ter tantas tarefas e ainda tirar um tempo para cuidar de nós mesmas. Muitas vezes trabalhamos fora de casa numa jornada exaustiva de 8 horas de trabalho, levamos em média de uma a duas horas no trajeto de ida e volta de casa para o trabalho e do trabalho para casa.

 

Quando chegamos em casa ainda temos muito afazeres domésticos e outras tantas vezes ainda ficamos esperando que a água da Compesa chegue para gente juntar água, lavar roupa, lavar prato, banheiro, sem contar que muitas vezes essa água só chega de noite ou de madrugada e aí lá se vai o sono da gente. Como se isso não bastasse, nós não temos acesso fácil aos equipamentos públicos de saúde, nem mesmo os especializados em saúde da mulher como o AMEM que é o Ambulatório Especializado da Mulher e o Hospital da Mulher, muitas vezes temos que faltar o trabalho para marcar consultas e exames.

 

Por isso, nossa luta é para que todas tomemos consciência do quanto é importante cuidarmos da nossa saúde e pelo menos nesse mês de outubro façamos um esforço para fazer a mamografia e levá-la de volta ao nosso médico. Também é importante a luta para incluir nos exames periódicos das empresas a mamografia. Precisamos continuar lutando para que os equipamentos públicos de saúde especializados em saúde da mulher assumam realmente essa campanha nesse mês e em todos os outros meses do ano e que levem em consideração as dificuldades que citamos acima e outras tantas que não foram citadas aqui e realmente se importem com a nossa saúde e tracem estratégias para zerar essa triste estatística. 




Informativo CUT PE

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.